Vídeo do Projeto “Musicagem” leva um “abraço” a funcionários do HRO
Conforto e agradecimentos que muitos gostariam de dar a profissionais da saúde foram resumidos e “entregues” em música por projeto da UFFS – Campus Chapecó

Publicado em: 17 de agosto de 2020 12h08min / Atualizado em: 17 de agosto de 2020 22h08min

Emoção. Foi assim que funcionários do Hospital Regional do Oeste (HRO) receberam a homenagem feita pelo Projeto “Musicagem”, desenvolvido no curso de Enfermagem da UFFS – Campus Chapecó. A presença física de professores e estudantes não é possível, nesse momento, devido à pandemia, e, por isso, o grupo gravou um vídeo, que foi passado aos funcionários.

A experiência aos estudantes já foi contata no site. Segundo duas das estudantes, cantar faz bem a elas também, e a experiência de fazer o vídeo foi fantástica.

Essa forma de homenagear os funcionários partiu da professora Jeane Barros de Souza Lima, coordenadora do Musicagem. Em contato com a enfermeira auditora e integrante da Cipa do HRO, Jane Tavares Gomes, ela buscava uma forma de viabilizar que o vídeo fosse passado no hospital.

Foi aí que Jane associou o vídeo a uma ideia da Cipa, de alguma atividade que evitasse aglomeração, mas que chegasse aos funcionários. “Mesmo não podendo fazer a semana da Cipa, que é tradicional, gostaríamos de mostrar nossa preocupação com o bem-estar e com as questões emocionais dos funcionários. Queríamos demonstrar um conforto, um carinho, um reconhecimento”, ressaltou ela.

Assim, a Cipa viabilizou que o vídeo fosse passado no hall de entrada dos funcionários nos períodos de trocas de turnos. Eles providenciaram, também, um cartão com uma mensagem remetendo à letra da música.

As reações foram ótimas, segundo ela. De reflexão, de afetividade, de se sentirem importantes, vistos, valorizados. “Foram sorrisos, pessoas surpresas, outras emocionadas, houve silêncio e feedbacks de que o vídeo tinha sido muito importante. Houve maior proximidade (afetiva), mais comunicação entre os colegas até ao cruzar nos corredores, um cumprimento mais alegre, olhos sorridentes. Deu para perceber que trouxe ânimo. Andando no corredor naquele dia, ouvi um colega cantarolando a música”, lembra.

Jane relata que alguns funcionários choraram, outros dançaram. Queriam, mas não podiam abraçar, cantaram pelos corredores. Ela ouviu falas como “que ânimo chegar para trabalhar e ouvir isso, receber esse carinho”, “agradecemos por trazerem um pouco de luz”, “muito lindo, me fez chorar”, “amei! Uma música que foi no meu coração!”, “a noite (referindo-se ao turno de trabalho) agradece a luz que trouxeram”, “vou ser um girassol, a escuridão que fique para trás!”.

Outros, pediram música todos os dias. E os relatos seguiram: “amei esse momento que fez a gente sair do piloto automático e refletir sobre o que estamos vivendo”, “agradeço a iniciativa e aos cantores, que conseguiram nos fazer lembrar da nossa humanidade, isso é humanização”.

Segundo Jane, foi muito gratificante aos membros da Cipa, já que esse era o objetivo: animar de alguma forma os profissionais que lá estão, trabalhando, exaustos com toda a situação da pandemia. “Como integrante da Cipa e em nome do presidente da comissão, Idinei Franceschi, gostaríamos de agradecer a UFFS – Campus Chapecó e ao projeto pela parceria e grande oportunidade de trazer um momento de humanidade ao HRO”, finalizou ela.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS