Conselho Estratégico Social escolhe representantes da comunidade no Consuni



Publicado em: 16 de novembro de 2010 09h20min / Atualizado em: 20 de março de 2017 10h21min

Na tarde de quinta-feira 11, no auditório do campus-sede, aconteceu a terceira reunião ordinária do Conselho Estratégico Social da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS). Entre os assuntos abordados, o reitor da UFFS, Dilvo Ristoff, fez esclarecimentos sobre investimentos em torno de 12 milhões de reais que estão sendo aplicados na construção de seis prédios de quatro andares cada um nos cinco campi da instituição. Ristoff também comentou sobre os avanços em relação à área de pesquisa, como o recém-lançado Edital de Pesquisa próprio e a aprovação dos primeiros projetos de pesquisa enviados pela instituição às entidades de fomento à pesquisa.

O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Joviles Vitório Trevisol, aproveitou a presença dos conselheiros para apresentar o Plano de Desenvolvimento da Pós-Graduação da UFFS e falou também da abertura do edital do primeiro curso de especialização oferecido pela UFFS, dirigido a professores da rede pública de ensino. Na sequência foi a vez de Antonio Carlos de Souza, presidente da Comissão Eleitoral para escolha dos membros do Conselho Universitário (Consuni) da UFFS, falar do processo eleitoral em andamento. No final, o pró-reitor de Extensão e Cultura, Geraldo Ceni Coelho, fez um relato sobre a política de extensão em curso.

Outro assunto tratado foi a escolha dos seis representantes da comunidade externa que farão parte do Conselho Universitário da UFFS. Por consenso, foram apontados os nomes de Marlene Catarina Stochero (titular) e Altemir Tortelli (suplente), pelo Rio Grande do Sul, Marlo Flávio Tessaro (titular) e Ana Elsa Munarini (suplente), por Santa Catarina, e Nelson Gomes (titular) e Eduardo Gaievski (suplente), representando o Paraná.