Política de Assistência Estudantil

A política de Assistência Estudantil da Uffs está em fase de discussão.

Acesse aqui o texto da minuta. Leia e debata com seus colegas. Apresente suas sugestões na plenária que será realizada em cada campus.

Metodologia para discussão da Política de Assistência Estudantil na UFFS

1. A discussão da política de assistência estudantil da UFFS consistirá na apresentação de destaques e emendas em torno de uma minuta proposta pela PROAE, construída com base nos seguintes documentos:
- Legislação vigente (Decreto n. 7234/2010; Lei de Cotas e outras);
- Resoluções da UFFS (Portarias, resoluções, INs, Editais, etc);
- Documento da COEPE;
- Políticas de Assistência estudantil de outras IFES;
- Pesquisas sobre a política (Teses, dissertações, artigos, pesquisas FONAPRACE);
- Estudos da PROAE e PROGRAD;
- Histórico de diálogos com estudantes nos campi;
- Trajetória da experiência dos programas de assistência estudantil na UFFS.


2. A discussão da política (e proposição de emendas) será realizada inicialmente com um Seminário de apresentação da discussão realizada em Chapecó e transmitida para os campi.


3. A partir do Seminário, os campi se reunirão para fazer as discussões e apresentação de destaques (emendas) definindo até dois delegados que participaram destas discussões locais.
3.1 Os delegados a serem definidos nas discussões nos campi serão estudantes de graduação regularmente matriculados e que participaram das discussões\fóruns.
3.2 Demais delegados são definidos no item 9 do presente documento.


4. Após a rodada de discussão nos campi, será realizada uma plenária final no campus Chapecó, para finalização da proposta com votação das emendas.


5. A versão final da minuta, após deliberada na plenária final, será encaminhada para o Conselho Estratégico Social (CES) e então para a Câmara de Graduação e Assistência Estudantil (CGAE) do Conselho Universitário da UFFS.

Da coordenação dos trabalhos

6. A coordenação geral dos trabalhos das discussões em torno da política de assistência estudantil da UFFS será realizada pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PROAE).

7. A coordenação das discussões nos campi será realizada pelas Comissões de Acompanhamento e de Avaliação da Política de Assistência Estudantil (CAAPAEs) em parceria com os Setores de Assuntos Estudantis (SAEs).

Dos delegados


8. Nos campi, toda a comunidade acadêmica, com preferência para os estudantes, terá direito a voz e voto.

9. Na plenária final, serão delegados:
i) Um membro das CAAPAEs de todos os campi;
ii) Os presidentes dos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs) e/ou representante do DCE;
iii) Dois estudantes eleitos nas discussões em cada campus, conforme item 3.1 deste documento;
iv) Um representante de cada SAE;
v) Cinco representantes da PROAE, preferencialmente representantes das respectivas diretoria e departamentos da PROAE;
vi) Um representante da PROGRAD;
vii) Um representante da PROEC;
viii) Um representante de cada uma das seguintes comissões/órgãos e/ou movimentos organizados na UFFS: PIN, pró-Haiti, NAP, Núcleo de Acessibilidade, Movimento Negro, movimento de jovens rurais, movimento LGBT, movimento de mulheres.

Do Cronograma

12.07.2018 - Reunião com Fórum das CAAPAEs para deliberação desta metodologia de discussão.
21 e 22.08.2018 - I Seminário da Política de Assistência Estudantil da UFFS
23.08 a 10.10.2018 – Diálogo com estudantes nos campi com a presença do Vice-Reitor e Pró-Reitor de Assuntos Estudantis.
23.08 a 23.11.2018 – Discussões nos campi;
24.11 a 27.11.2018 – Encaminhamento das emendas e destaques dos campi para a PROAE
06.12.2018 Plenária Final
20.12.2018 Encaminhamento minuta final para CES e CGAE.