UFFS 10 anos: conheça o primeiro egresso do Campus Erechim a concluir um doutorado
César Tiago Forte foi aluno do curso de Agronomia e do Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental

Publicado em: 03 de outubro de 2019 16h10min / Atualizado em: 04 de outubro de 2019 08h10min

Em seus 10 anos de existência recém completados, a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim já realizou o sonho de diversas pessoas que por ela passaram. É o caso de César Tiago Forte, egresso do curso de Agronomia e do Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental. Após se formar na UFFS, César ingressou no Doutorado em Agronomia na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), concluído no final do último semestre. Ele é o primeiro egresso de um curso de Graduação do Campus a concluir um doutorado.

César saiu do interior de Quatro Irmãos-RS para estudar na UFFS. Ingressou na instituição por meio do Enem, feito em 2009. “Iniciei os estudos sem saber ao certo se era isso que eu queria. Com o passar do tempo, percebi a grande importância da Universidade para o meu crescimento profissional e pessoal”, conta.

O interesse de seguir carreira acadêmica surgiu nas aulas do professor Leandro Galon, quando o docente articulou a construção de um grupo de pesquisa. Participando do grupo e convivendo com o professor, a vontade de seguir os passos do docente foi despertada. Com o término da Graduação, César fez o Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental também na UFFS – Campus Erechim e, depois, seguiu para o Doutorado, na área de herbologia, na UFSM.

César na banca de defesa da sua tese, na Universidade Federal de Santa Maria (Créditos: Acervo pessoal)

Na nova Instituição, fez pesquisas e desenvolveu seu projeto sobre dormência de sementes e manejo da Solanum americanum. Em dois anos e meio fez testes de diferentes métodos de superação da dormência das sementes, testes de resistência da espécie a herbicidas e o seu comportamento perante os atuais manejos adotados para seu controle.

Ainda quando estava cursando o Doutorado, César começou a trabalhar em uma empresa do agronegócio. Defendeu sua tese no dia 16 de agosto. Na banca, o professor Galon foi um dos avaliadores.

Agora doutor, o egresso da UFFS recorda da sua primeira Universidade com carinho e votos de sucesso. “A UFFS abriu e vai abrir muitas portas para os alunos que passarão por ela”, diz.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS