Grupos e Projetos de Pesquisa

Grupos de Pesquisa:

 

 

Agricultura e Biodiversidade (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/4857929569779746)

Este grupo de pesquisa iniciou suas atividades em novembro de 2012 e desenvolve pesquisas relacionadas, principalmente, a temática da agricultura familiar, visando à melhoria da qualidade dos processos e da obtenção de produtos agropecuários com qualidade. Além disso, espera-se que os pesquisadores do grupo repercutam também com pesquisas relacionadas a qualidade ambiental de ecossistemas agrícolas e naturais.

Agricultura Familiar e Transição Agroecológica - AFTA (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/0029155809615049)

A região de inserção da UFFS apresenta forte perfil agrícola, tendo como base a agricultura familiar. Desta forma, surge a necessidade de aprofundar a compreensão dos aspectos sociais, culturais, tecnológicos e ambientais que ocorrem na área de abrangência da instituição. Também se faz necessário propor métodos de produção ecológica que possam reduzir os impactos do modelo de agricultura convencional. Nesse contexto, o Grupo de Pesquisa em Agricultura Familiar e Transição Agroecológica propõe-se a produzir conhecimento científico visando melhorar ensino de graduação, apoiar a criação de cursos de Pós-graduação a fim de qualificar os processos de transição agroecológica. As ações do grupo de pesquisa dar-se-ão tanto no âmbito educacional quanto no âmbito do atual modelo agrícola. Neste sentido, o grupo objetiva pesquisar e estimular processos de transição agroecológica na Agricultura Familiar na Região do Alto Uruguai Gaúcho com o propósito de melhorar a qualidade de vida das populações envolvidas no campo e na cidade.

Agroenergia – AGROEN (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/5517155838832399)

O grupo AGROEN tem os seguintes objetivos: 1) Gerar conhecimentos e tecnologias em agroenergia visando o desenvolvimento e a sustentabilidade econômica, ambiental, social da agricultura familiar; 2) Contribuir com o desenvolvimento de tecnologias alternativas a matriz energética atual, visando à sustentabilidade ambiental; 3) Formação de recursos humanos visando o estabelecimento de uma nova matriz energética.

Biodiversidade e Conservação da Fauna – GPCON (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/2351927515659835)

O grupo busca se tornar uma referência em estudos de monitoramento e dinâmica da fauna silvestre na região subtropical da América do Sul, mais especificamente na região sul do Brasil. Os projetos desenvolvidos devem proporcionar o acúmulo de dados para avaliação e análise das relações resultantes da interface entre ambiente e desenvolvimento, assim como na proposição de medidas que promovam relações ambientalmente saudáveis.

Fronteiras: Laboratório de História Ambiental da UFFS (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/5470796547059273)

O objetivo do grupo de pesquisa é o desenvolvimento de atividades integradas visando uma formação qualificada de estudantes na área de história/estudos ambientais através do trabalho conjunto de professores-pesquisadores.

GP-FRUFSul  (Grupo de Pesquisa em Fruticultura na Fronteira Sul - (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/8455679642394352)

O grupo vem trabalhando com manejo de pomares e do solo, irrigação e controle de plantas daninhas, comportamento fisiológico e adaptação de plantas frutíferas em climas distintos aos de origem. Além de propagação plantas. Avaliação de pequenas frutas e frutas nativas. A região de atuação está compreendida basicamente por agricultura familiar, com abrangência compreende o Oeste de Santa Catarina e mesorregião Noroeste do Rio Grande do Sul. A região apresenta um alto grau de dependência econômica do setor agropecuário. O GP-FRUFSul (Grupo de Pesquisa em Fruticultura na Fronteira Sul) tem por finalidade contribuir com o Desenvolvimento Regional através da atividade de pesquisa, ensino e extensão culminando com as inovações tecnológicas e incentivando para a diversificação da matriz produtiva, para agregar renda, gerar novos empregos, e dar suporte para a manutenção dos agricultores no meio rural, com melhorias nas condições de vida e promover o desenvolvimento regional.

Grupo de Pesquisa em Resíduos, Geotecnia Ambiental e Poluição Atmosférica - GPRGAEPA (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/8440486061649448)

O Grupo de Pesquisa em Resíduos, Geotecnia Ambiental e Poluição Atmosférica visa desenvolver tecnologias, processos e aplicações em resíduos, geotecnia ambiental, bem como em poluição atmosférica, objetivando divulgar conhecimento científico à comunidade acadêmica e externa.

Hidroclima – (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/4097539473016682)

A disponibilidade hídrica tem se apresentado como problema para a sociedade presente e futura. O presente grupo tem como objetivos principais estudar as interações entre a atmosfera, a disponibilidade hídrica no sistema superficial e subsuperficial e os processos morfodinâmicos decorrentes do uso e ocupação do espaço. Especificamente: a) Estudar a dinâmica climática, sua variabilidade e a ocorrência de mudanças climáticas; b) Avaliar a disponibilidade hídrica na superfície, bem como na subsuperfície, por meio de medições e ensaios hidrológicos; c) Investigar mudanças ambientais nos sistemas geomorfológicos e inter-relações com mudanças climáticas; d) Investigar mudanças temporais e espaciais no uso e ocupação do solo e suas relações com a dinâmica hidrológica de bacias hidrográficas; e) Por fim, realizar estudos sobre os impactos das mudanças ambientais com ênfase nas condições de vulnerabilidade enfrentada pela sociedade.

Manejo Sustentável dos Sistemas Agrícolas – MASSA (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/1583540731234800)

O estudo da influência das atividades agrícolas nos sistemas ambientais, principalmente sobre possíveis degradações que possam ocorrer ou mesmo pelo uso mais sustentável a dinâmica dos impactos ambientais, torna-se uma estratégia interessante para se produzir com quantidade e qualidade na atual conjuntura agrícola, onde a sociedade procura alimentos que sejam seguros e os produtores produzir com menores custos e maiores retornos econômicos. Os dados obtidos em cada linha de pesquisa do grupo, possibilitarão um melhor conhecimento sobre os sistemas agrícolas de produção da região do Alto Uruguai do RS. Estudos que unam trabalhos de produção e conservação do ambiente com perspectivas de melhorar os recursos disponíveis, especialmente em ecossistemas ameaçados, são considerados prioritários para o conhecimento e preservação do meio ambiente brasileiro. De posse de maiores informações sobre as espécies, pode-se compreender melhor os processos relacionados à geração e manutenção da biodiversidade. As informações resultantes do projeto permitirão monitoramento, gerenciamento e mesmo utilização da biodiversidade para as mais diversas finalidades. Como resultado natural deste projeto serão identificadas as áreas e as espécies de maior relevância para proteção. Com os dados obtidos, pode-se estimar os principais impactos sobre a diversidade, tanto em termos temporais como espaciais. Como desdobramento, será possível embasar cientificamente as tomadas de decisões sobre projetos de desenvolvimento, especialmente aqueles que se baseiam em propostas de sustentabilidade. Estas contribuições serão disponibilizadas por meio de publicações de artigos científicos e de divulgação, além da produção de trabalhos de conclusão de cursos, dissertações, teses, capítulos de livros ou mesmo livros.